NO #09 – Nietzsche e o ressentimento

Olá designófilos!

Aqui está o nono episódio do Não Obstante, contando mais uma vez com Felipe Ayres na edição e com a arte de Marcos Beccari na vitrine. Neste programa, Marcos Beccari e Daniel B. Portugal recebem Antonio Edmilson Paschoal para conversar sobre seu último livro Nietzsche e o ressentimento (Humanitas, 2014). Edmilson Paschoal é doutor em filosofia pela UNICAMP, com estágio pós-doutoral na Universität Leipzig e na Ernst Moritz Arndt Universität Greifswal, professor da UFPR e pesquisador do CNPq.

Em Nietzsche e o ressentimento, ele estuda o conceito de ressentimento na obra de Nietzsche, observando que o termo possui dois sentidos complementares, um psicológico e um social. O primeiro diz respeito a uma espécie de envenenamento que ocorre quando, devido à impossibilidade de reagir, introjetamos nossos impulsos e os transformamos em sentimentos negativos que continuamos a remoer internamente (a re-sentir) devido à nossa incapacidade de “digerir” a experiência. O segundo, por sua vez, faz referência à constituição de uma forma de vida ressentida — isto é, orientada por valores provenientes do ressentimento psicológico. Trata-se  de uma forma de vida paradoxal, que, para se expandir, exalta os valores reativos e os cristaliza em constructos morais e políticos. A discussão sobre essas duas dimensões do conceito de ressentimento serve como uma excelente porta de entrada para o estudo das reflexões éticas de Nietzsche, especialmente aquelas desenvolvidas na Genealogia da moral.

Faça download do episódio aqui
>> 0h06min00seg Pauta Principal
>> 1h32min26seg Música de encerramento: “Dust and Echoes”, da banda God is an Astronaut.

Links

Novo livro de Marcos Beccari publicado pela editora 2ab! Já à venda neste LINK. Confira o BookTrailer:


O Não Obstante é uma produção conjunta do Filosofia do Design e do Anticast.